Seminário lembra os dez anos da morte de Sérgio Vieira de Melo

10 de agosto de 2013

Agência Brasil

A Agência Brasil está é a agência de notícias na Internet que distribui gratuitamente informações de governo e da sociedade, com base nos princípios da comunicação pública: assegurar o amplo acesso à informação como direito fundamental para o exercício da cidadania.

Seminário lembra os dez anos da morte de Sérgio Vieira de Melo
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-08-10/seminario-lembra-os-dez-anos-da-morte-de-sergio-vieira-de-melo
Aug 10th 2013, 15:42

Ana Cristina Campos

Repórter da Agência Brasil
Brasília - Será realizado no Rio de Janeiro, no próximo dia 19, o seminário 10 Anos sem Sérgio Vieira de Melo, que prestará homenagem ao décimo aniversário de morte do brasileiro. Melo era representante especial do então secretário-geral das Nações Unidas (ONU), Koffi Annan, para o Iraque, quando foi morto juntamente com 21 funcionários da organização, em um atentado a bomba ao prédio da ONU em Bagdá, no dia 19 de agosto de 2003. Ele teve uma longa carreira dedicada aos refugiados e às questões humanitárias.
Segundo o chefe da Divisão das Nações Unidas do Ministério das Relações Exteriores, conselheiro Marcelo Viegas, o evento tem como objetivo promover o debate sobre o legado de Sérgio Vieira de Melo na promoção da paz e da segurança internacionais e ressaltar a importância do trabalho humanitário. "Ele foi um grande brasileiro. Morreu a serviço das Nações Unidas em um atentado em Bagdá, que simboliza os desafios que o mundo enfrenta até hoje. O seminário permitirá uma reflexão mais aprofundada sobre as formas como a comunidade internacional pode lidar melhor com as crises humanitárias", disse Viegas.
Durante o encontro, haverá o lançamento da Campanha Global do Dia Mundial Humanitário, das Nações Unidas, que este ano terá como tema "O mundo precisa de mais...". Estarão presentes, entre outros, a subsecretária-geral da ONU para Assuntos Humanitários, Valerie Amos, o chanceler Antonio Patriota, a ministra da Secretaria de Direitos Humanos, Maria do Rosário, o coordenador da ONU no Brasil, Jorge Chediek, e o ex-presidente do Timor Leste e Prêmio Nobel da Paz de 1996, José Ramos Horta.
A partir do dia 19, as pessoas poderão acessar o site da campanha e compartilhar uma das palavras-chave, como paz, esperança, amor e felicidade, nas redes sociais. O compartilhamento vai desbloquear uma doação que irá para um fundo global destinado a atender projetos de ação humanitária.
Os interessados em participar do evento poderão se inscrever no site da Fundação Alexandre de Gusmão até segunda-feira (12).
Edição: Valéria Aguiar
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir o material é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at http://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
http://blogtrottr.com/unsubscribe/d9g/Lpf2H4

Espalhe: