Kerry pede a Abbas esforço em busca de acordo com Israel

9 de setembro de 2013

Agência Brasil

A Agência Brasil está é a agência de notícias na Internet que distribui gratuitamente informações de governo e da sociedade, com base nos princípios da comunicação pública: assegurar o amplo acesso à informação como direito fundamental para o exercício da cidadania.

Kerry pede a Abbas esforço em busca de acordo com Israel
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-09-09/kerry-pede-abbas-esforco-em-busca-de-acordo-com-israel
Sep 9th 2013, 09:07

Renata Giraldi*

Repórter da Agência Brasil
Brasília – O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, pediu ao presidente da Autoridade Nacional Palestina, Mahmoud Abbas, que intensifique os esforços nas negociações com Israel em busca de um acordo pacífico. A conversa ocorreu ontem (8) à noite em Londres (Reino Unido). Os Estados Unidos coordenam as negociações entre israelenses e palestinos retomadas nos últimos dias. Antes da reunião com Abbas, Kerry conversou com o chanceler do Reino Unido, William Hague.
Kerry e Abbas conversaram por cerca de três horas, a maior parte do tempo foi a portas fechadas. Foi o primeiro encontro desde a retomadas as negociações diretas entre Israel e a Palestina. "Eles discutiram como intensificar as negociações e como assegurar que sejam bem-sucedidas", diz em comunicado o Departamento de Estado norte-americano.
"O secretário [Kerry] reiterou a importância de ambos os lados adotarem caminhos que criem um ambiente propício ao estabelecimento da paz e ao atual compromisso dos Estados Unidos de desempenhar papel de facilitador ativo nas negociações", acrescenta a nota.
As negociações entre palestinos e israelenses estavam paralisadas desde setembro de 2010. Após seis visitas à região em apenas quatro meses, Kerry se reuniu com negociadores de ambos os lados. Houve também reuniões entre integrantes dos governos de Israel e da Palestina, sem a presença de norte-americanos.
Kerry disse que pretende, em breve, reunir-se com o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu. Na quarta-feira passada (4), Yasser Abed Rabbo, da Organização para a Libertação da Palestina, criticou a atuação norte-americana, informando que ela tem sido em vão. "Até agora não houve progresso", disse Rabbo.



*Com informações da agência pública de notícias de Portugal, Lusa
Edição: Graça Adjuto



You are receiving this email because you subscribed to this feed at http://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
http://blogtrottr.com/unsubscribe/d9g/Lpf2H4

Espalhe: