Rede elétrica recebeu mais 2 milhões de consumidores residenciais nos últimos 12 meses

29 de novembro de 2013

Nacional



Rede elétrica recebeu mais 2 milhões de consumidores residenciais nos últimos 12 meses
http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2013-11-29/rede-eletrica-recebeu-mais-2-milhoes-de-consumidores-residenciais-nos-ultimos-12-meses
Nov 29th 2013, 18:25

Nielmar de Oliveira

Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro – Nos últimos 12 meses, mais 2 milhões de consumidores residenciais foram ligados à rede elétrica nacional, dos quais 38% nas regiões Norte e Nordeste. Os dados constam da Resenha Mensal do Mercado de Energia Elétrica, divulgada hoje (29) pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE).
Segundo a resenha, o consumo de energia nas residências continua com "forte crescimento" tanto no Nordeste quanto no Norte. A expansão acumulada está perto ou passa de 10% nas duas regiões, enquanto a média nacional ficou em 3,3% de janeiro a outubro.
A EPE atribui o crescimento nessas regiões ao aumento da base de consumidores, aliado ao combate às perdas comerciais (o que termina por ser absorvido, em parte, no consumo faturado) e, principalmente, à eletrificação das residências, com o aumento da posse e do uso de eletrodomésticos, como resultado do aumento da renda e das facilidades do crédito pessoal.
O consumo por consumidor cresceu 6,7% no Nordeste e 4,7% no Norte, alcançando, em bases mensais, a média de 116 quilowatts-hora (kWh) e 166 kWh, respectivamente. Na média nacional, o consumo por consumidor atingiu 163 kWh por mês, com aumento de 3,4% ante outubro do ano passado.
Em outubro, o consumo residencial de energia ficou em 10.533 gigawatts-hora (GWh), o que representa alta de 7,6% sobre igual mês do ano anterior. O crescimento do consumo foi significativo em praticamente todas as regiões, com taxas variando entre 7,1% e 13,8%.
Já o consumo da classe comercial teve incremento de 482 GWh em relação a outubro de 2012 (crescimento de 7,3%), atingindo 7.078 GWh. Segundo a EPE, além da expansão da área de vendas do comércio, a taxa elevada expressa também "diferenças no calendário de faturamento de grandes mercados onde houve ciclo de faturamento um pouco mais alongado em relação ao mesmo mês do ano anterior".
Edição: Nádia Franco
Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Brasil. Para reproduzir as matérias é necessário apenas dar crédito à Agência Brasil



You are receiving this email because you subscribed to this feed at https://blogtrottr.com

If you no longer wish to receive these emails, you can unsubscribe here:
https://blogtrottr.com/unsubscribe/s69/CPKY01

Espalhe: